sábado, 13 de dezembro de 2014

Web TV SJR

Rede de conexões


Em meados da década de vinte as primeiras imagens em movimento  puderam ser assistidas no sistema eletrônico de reprodução de imagem e som. O sistema funciona por meio de ondas eletromagnéticas. Hoje, a televisão parece ser bem mais simples que antes e bem mais popular também.
Em vinte,  as primeiras transmissões foram em preto e branco, perdurando por décadas. Há quem diga que em quarenta já haviam transmissões coloridas, contudo, de forma acertada,  as décadas de cinquenta e sessenta coloriram os lares com as transmissões em cor. 
Segundo a última pesquisa do IBGE, em 2010, 95,01% dos lares brasileiros possuíam TV. 
A grande questão é que para além deste aparelho de recepção e transmissão, a TV, há outro que tem ganhado espaço a uma velocidade espantosa e com ele uma nova forma de fazer televisão (no sentido de produção de conteúdo), o computador. Este aparelho por meio de outra faceta da tecnologia,  a Internet, tem revolucionado a produção de conteúdo.
A revista Veja divulgou em março deste ano, por meio de pequisa do IPEA, que o acesso a internet chega a 41% dos lares brasileiros. O acesso é possível por meio de computadores e notebooks.Se formos pensar em dispositivos móveis vamos a um alcance muito maior, a Folha diz que 31% dos brasileiros possuem aparelhos com acesso a internet. 
Desta forma, como não dizer que a Web TV vem se popularizando em nosso país. Esta é uma nova forma de produzir e transmitir conteúdo. A televisão, agora, também está em outra tela, ou melhor,  plataforma.
A palavra inglesa Web, significa teia ou rede. Em nosso tempo, ganhou força e adquiriu outro significado. A web passou a designar a rede que conecta computadores por todo mundo, a World Wide Web (WWW). A web significa um sistema de informações ligadas através de hipermídia (hiperligações em forma de texto, vídeo, som e outras animações digitais) que permitem ao usuário acessar uma infinidade de conteúdos através da internet. Uma rede de conexões. Local onde nasceu a Web TV.
A paróquia e Santuário São José de Ribamar percebeu este novo jeito de fazer TV, e apresentou aos seus fiéis (devotos e internautas) a Web TV SJR.
É o novo canal do Santuário para o acesso a conteúdos como homilias dominicais e reportagens. O internauta que busca o Santuário na rede o encontra também em seu endereço de blog, onde pode assistir ao canal. 
A proposta é que o internauta tenha acesso as produções de conteúdo em vídeo do Santuário e possa, também, acompanhar  as atividades pastorais mesmo que não esteja presente. Neste novo projeto a produção das homilias foi readequada. Uma nova forma de produzir, um novo layout. As matérias produzidas  também adquiriram um layout padrão.
O santuário avança e inova, propondo alternativas acessíveis para a comunicação. Viste  o blog http://pascomsjr.blogspot.com.br/ e acompanhe Web TV SJR. 

Clique para acessar a página da Web TV 




quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Solenidade de Nossa Senhora da Conceição.

“Maria isenta do pecado original”



A solenidade de Nossa Senhora da Conceição foi celebrada no Santuário e Paróquia São José de Ribamar com grande devoção e participação de fiéis. Pe. Cláudio Roberto, reitor e pároco solidário, presidiu a Santa Missa concelebrada por pe. Marcelo Pepim. Em homilia, pe. Cláudio ressaltou que Maria é imaculada, sem mancha, sem pecado. Enfatizou sua liberdade sobre a escravidão do pecado. Pe. Cláudio animou  os fiéis a serem perseverantes na fé em Cristo e na devoção a Imaculada Conceição. Maria, esposa de José, é fortemente devotada no Santuário, Casa de seu castíssimo esposo.


Imaculada Conceição*.

A Igreja ocidental, que sempre muito amou a Santíssima Virgem, tinha uma certa dificuldade para a aceitação do mistério da Imaculada Conceição. Em 1304, o Papa Bento XI reuniu na Universidade de Paris uma assembleia dos doutores mais eminentes em Teologia, para terminar as questões de escola sobre a Imaculada Conceição da Virgem. Foi o franciscano João Duns Escoto quem solucionou a dificuldade ao mostrar que era sumamente conveniente que Deus preservasse Maria do pecado original, pois a Santíssima Virgem era destinada a ser mãe do seu Filho. Isso é possível para a Onipotência de Deus, portanto, o Senhor, de fato, a preservou, antecipando-lhe os frutos da redenção de Cristo.
Rapidamente a doutrina da Imaculada Conceição de Maria, no seio de sua mãe Sant’Ana, foi introduzido no calendário romano. A própria Virgem Maria apareceu em 1830 a Santa Catarina Labouré pedindo que se cunhasse uma medalha com a oração: “Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós”.
No dia 8 de dezembro de 1854, através da bula Ineffabilis Deus do Papa Pio IX, a Igreja oficialmente reconheceu e declarou solenemente como dogma: “Maria isenta do pecado original”.

A própria Virgem Maria, na sua aparição em Lourdes, em 1858, confirmou a definição dogmática e a fé do povo dizendo para Santa Bernadette e para todos nós: “Eu Sou a Imaculada Conceição”.

Nossa Senhora da Imaculada Conceição, rogai por nós!



http://santo.cancaonova.com/

domingo, 7 de dezembro de 2014

Programação natalina 2014

"Das alturas orvalhem os céus e das nuvens que chova a justiça, que a terra se abra ao amor e germine o Deus Salvador."


Advento é tempo de espera. Alegre espera do menino-Deus. O Santuário São José de Ribamar convida os fiéis para celebrarem em comunhão o advento do Senhor e o Santo Natal. A programação está pronta e você pode acompanhar.