Busque uma postagem

Arquivos

terça-feira, 18 de abril de 2017

Santuário celebra Tríduo Pascal com grande participação de fiéis


O Tríduo Pascal é o mais importante de todos os eventos da Igreja. Ele acontece dentro da Semana Santa, período de dias que marca a celebração em todo o mundo da Paixão, Morte e Ressurreição de Cristo Jesus. 

No Santuário Arquidiocesano São José de Ribamar, na cidade balneária da região metropolitana, os fiéis de São José lotaram o Santuário dedicado ao santo Carpinteiro que, aliás, se prepara para brevemente celebrar o tríduo  2017, de 28 de abril a primeiro de maio, em honra ao Padroeiro do Maranhão. 

A agenda prevista para os dias 13, 14, 15 e 16 de abril, contou com vasta programação que reuniu celebrações, missas, sermões, procissões, adorações e louvor.  A Semana Santa em Ribamar é sempre marcada por grandes eventos que ocorrem no período, um exemplo a ser dado, é a tradicional procissão do Senhor Morto que ocorre na Sexta-Feira Santa. 

A abertura do tríduo se dá na Quinta-Feira Santa, com a celebração da Missa da Ceia do Senhor e rito do Lava-Pés. Noite em que o Santíssimo Sacramento é transladado para capela ornada para tal fim. A transladação é a procissão realizada com a Eucaristia no ostensório (suporte específico para transporte da hóstia consagrada) para um local reservado, onde se realiza a adoração durante a quinta e a sexta-feira da Semana Santa.

No Santuário do Padroeiro do Maranhão, os representantes de pastorais participaram do Lava-pés rememorando os discípulos na Ceia do Senhor. Após a missa, todos seguiram em procissão para adorar o Santíssimo Sacramento junto aos párocos solidários e o diácono permanente, que acompanharam toda a programação.


No segundo dia do Tríduo Pascal, 14, Sexta-Feira Santa, a programação litúrgica começou desde às 12h com o Sermão das Sete Palavras. Prosseguindo com a programação, as 14h, os fiéis deram início a Via Sacra, que, como preparação, antecedeu a realização da Celebração da Narração da Paixão do Senhor. Como recomendado pela Igreja para o dia, a celebração iniciou as 15h reunindo dezenas de fiéis. Padre Cláudio Roberto, reitor, auxiliado pelos padres Irailson Dias e Eudo Ferreira, párocos solidários, e pelo diácono permanente Werley Leite, realizou a celebração e o rito do Beijo da Cruz . 

Após a celebração da Narração da Paixão do Senhor, seguindo a tradição religiosa da cidade
dedicada a São José de Ribamar, os fiéis em respeito sublime a Sexta-Feira Santa, prosseguiram com a programação do dia, e realizaram a tradicional procissão do Senhor Morto pelas ruas ribamarenses. Durante o trajeto, foram encenadas passagens da vida de Jesus, como o Seu encontro com Verônica, e símbolos do sofrimento dEle foram carregados por jovens, para recordar os fiéis do suplício sofrido pelo Cristo. 

Encerrando o Tríduo com a realização da Vigília Pascal, o chamado Sábado Santo, reuniu a assembleia presente para a celebração na Praça da Matriz, para a Liturgia da Luz, com a bênção do fogo novo, que marca o início da Vigília. Padre Cláudio Roberto, reitor, presidiu a celebração da noite santa. Realizando batizados e abençoando o povo com a água benta.

As comunidades da Paróquia e Santuário contaram também com agenda de celebrações durante todo o tríduo. Como a Comunidade São Francisco de Assis, no Caúra, que, sob a presidência do diácono permanente Werley Leite na tarde do domingo, 16, contou a celebração de Páscoa. 


Acampamento-retiro da Juventude - Durante o Tríduo Pascal no Santuário do Padroeiro do Maranhão, a juventude ribamarense realizou mais um edição do emocionante acampamento-retiro no Sítio dos Padres. Foram três dias de oração, testemunhos, formação, adoração ao Santíssimo Sacramento, via sacra, encenações, celebrações e missas do Tríduo Pascal que reuniram dezenas de jovens no mais emocionante e profundo evento realizado anualmente para o público jovem católico em São José de Ribamar. No domingo pela manhã, 17, primeiro Domingo da Páscoa, padre Gutemberg Feitosa, vice reitor, acolheu a romaria pascal dos jovens e celebrou a santa missa da Páscoa do Senhor com os jovens ribamarenses que celebravam, também, suas páscoas particulares. 


domingo, 19 de março de 2017

Santuário recebe milhares de romeiros no dia do Padroeiro

        


        Neste 19 de março o Santuário recebe durante todo o dia romeiros para missas, batizados e confissões

Desde o alvorecer não cessa a chegada de romeiros de todos os cantos do Maranhão e mesmo de outros Estados. Desde as 06h, os fiéis lotam a Casa do Padroeiro do Maranhão participando das missas, batizados, confissões ou ainda pedindo bênçãos ou pagando promessas. É um fluxo imenso e constante de devotos que dão a cidade balneária, região metropolitana da Grande São Luís, neste dia, um diferencial. 


Não se trata apenas de vir ao Santuário num dia santo, para pagar promessa a um dos padroeiros universais da Igreja, o que por si só já é o bastante, se trata, em verdade, de vir a um dos lugares mais queridos pelos católicos maranhenses prestar louvores a Deus pela proteção de São José de Ribamar, devoção peculiar do Estador, que rendeu ao santo protetor o mérito de Padroeiro do Maranhão. 


Padre Gutemberg Feitosa, vice reitor e pároco solidário, relembrou os fiéis que São José de Ribamar é o Padroeiro dos maranhenses, mas, é  também, o cuidador da rádio Educadora e do Jornal do Maranhão, impresso de orientação católica arquidiocesano. Por isso, o padre reforçou o pedido ao fiéis que participem da Campanha de Devotos do Santuário e contribuam para as obras de evangelização.

A programação continua com Louvor a São José de Ribamar às 14h,  com o Apostolado da Oração, às 15h santa missa, e, por fim, às 16h procissão (Avenida do Santuário) e às 17h santa missa campal na Concha Acústica. Venha participar do maior festejo em honra ao santo querido do povo maranhense.